História de uma leitora: Gosto de duas pessoas ao mesmo tempo. Qual escolher?

História de uma leitora:

Olá! Não gostaria de divulgar meu nome, mas meu problema é o seguinte:

Ainda estou na escola e comecei a gostar de um garoto. Contei para ele pois minhas amigas me forçavam e ficavam dizendo que ele também gostava de mim. Antes de contar confirmei que eu era a paquera dele. Contei para ele, mas pela internet. Depois comecei a gostar de outro menino e o garoto que eu contei que gostava dele ali no início ficou bravo, então desisti da ideia pois depois percebi que não valia a pena. Agora estou gostando de novo de outro menino, mas tenho medo de contar para esse menino porque acho que meu 1° paquera vai ficar bravo e eu vou me arrepender e tal. Esse menino de quem eu comecei a gostar também gostava de mim, só que eu pensava sempre nele discretamente. Depois que ele parou de gostar de mim fiquei meio confusa. Ainda gosto dele, mas ainda gosto do meu 1° paquera e não sei o que fazer. Se você puder me ajudar, desde já agradeço. E desculpe se a pergunta estiver meio confusa.


         ______________________//______________________

Seguinte, eu não a conheço, mas pude perceber que pelas suas palavras, por ainda "estar na escola" e pela variedade de sentimentos sentidos, uma hora por um, outra hora por outro, imagino que seja uma pessoa muito nova...
Sabe por que digo isso? Porque quando somos "novinhos", existe uma confusão imensa em nossa cabeça. Imaginamos a vida de uma forma que ela não é, imaginamos que um dia chegará um (a) príncipe ou princesa que vai nos fazer feliz pela a vida inteira, e que nunca vai nos entristecer, que vai cuidar nos mínimos detalhes, para nunca nos magoar ou nos fazer chorar. Só que isso não acontece...

Percebemos que as pessoas são muito parecidas umas com as outras, e se não tivermos cuidado na escolha, iremos sofrer no futuro, por escolhas que foram feitas sem pensar.

Então o que eu quero dizer com isso, é que você deve tomar muito cuidado ao escolher, entre o seu "primeiro paquera" ou o "rapaz novo" que você "está gostando". 

Querida, quero deixar um alerta:

Tenha muito cuidado, pois o nosso coração é enganoso, ele nos cega, nos deixa sem raciocinar, e até nos faz cometer loucuras, sabia? Imagino que você deve estar pensando: "Mas eu não vou casar com nenhum dos dois mesmo Wéziton, eu apenas quero alguém ao meu lado hoje, amanhã será outro dia"...

É aí que nós nos perdemos! Perdemos e muito! Você sabia que quando fazemos uma escolha, qualquer escolha, estamos dizendo sim para um lado e dizendo não para o outro. Então, algum sofrimento sempre vai haver. Escolha a pessoa que você acha que te faz crescer e não diminuir, escolha a pessoa que te faz bem, que te faz sorrir, que te agrega algum valor.

Enfim, quero te dizer que a escolha está em suas mãos, pense no que te falei e veja se realmente você quer o que você quer. Às vezes nós não queremos algo, porém para as pessoas não dizerem que nós não temos aquilo, escolhemos qualquer coisa que nos aparece, só para satisfazer o nosso ego.

Te desejo muitas felicidades e não sorte, porque a sorte ficou para os jogadores, e eu não considero a vida um jogo.

Lembre-se, você é livre para fazer suas escolhas, porém não é livre das consequências!

Escritor por @WezitonMedeiros




Página Anterior Próxima Página Home